sábado, 31 de março de 2012

OBESIDADE: FIQUE DE OLHO.


Atualmente um dos assuntos mais discutidos em relação à nutrição é a obesidade. Hoje cada vez mais pessoas estão à procura de um tratamento para o controle do seu peso e qualidade de vida, por isso falaremos um pouco sobre este assunto.
A obesidade é caracterizada pelo acúmulo excessivo de gordura corporal em relação ao tamanho do corpo do indivíduo.
É considerada uma doença crônica, decorrente de fatores genéticos, hormonais, ambientais e emocionais. Além disso, a obesidade pode ser acompanhada por doenças como hipertensão arterial, esteatose hepática, diabetes mellitus tipo 2, hipercolesterolemia, dislipidemias, entre outras.
Atualmente, a obesidade é considerada o maior problema de saúde pública mundial; em países desenvolvidos e em desenvolvimento, incluindo o Brasil.
Recentemente, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) a população brasileira está ficando mais obesa em velocidade acelerada. O excesso de peso já atinge metade da população adulta; uma em cada três crianças (de 5 a 9 anos); e um quinto dos adolescentes no país. No decorrer dos anos a obesidade aumentou mais de quatro vezes nos homens e mais de duas vezes nas mulheres.
O tratamento para obesidade muitas vezes exige uma equipe multidisciplinar para que o paciente tenha todo o respaldo durante seu acompanhamento, e a Nutrição é uma das áreas importantes e necessárias para que se alcance um bom resultado ao longo do tratamento.
A reeducação alimentar, orientações alimentares, receitas diferenciadas, estímulos durante as consultas são algumas das ferramentas usadas para que o paciente esteja sempre disposto a seguir as recomendações e alcançar o seu objetivo. Dietas radicais, regimes forçados, refeições com restrições de alimentos, entre outras formas que prometem a eliminação de peso, não são favoráveis ao tratamento da obesidade e nem mesmo para uma pessoa que busca melhor qualidade de vida e uma alimentação saudável, pois seus resultados são passageiros. Para se promover um resultado eficiente é necessário um trabalho com orientação profissional e ter disposição para que os resultados sejam duradouros e proporcione melhoras da qualidade de vida.
Sendo assim é importante que fiquemos atentos aos nossos hábitos alimentares atuais, e observar de perto nossas crianças, que hoje em dia são um dos grupos que mais desenvolvem obesidade no Brasil. A infância é uma fase muito importante para a formação do hábito alimentar, e desenvolvimento de sobrepeso e obesidade, por este motivo que a Nutrição deve estar próxima ao dia a dia da família, para que esta terapia possa agir de maneira preventiva, garantindo um futuro saudável aos adultos jovens que irão se formar.
A nossa saúde é o que temos de mais valioso, e cabe a nós, cuidarmos dela. Comece com uma alimentação saudável e equilibrada, não deixe que a vida moderna, a rotina e a falta de tempo massacrem o nosso organismo. A obesidade é uma doença e precisa ser tratada e cuidada de maneira multifatorial, conhecendo e respeitando o indivíduo.
Acredite, somos o que comemos.

 PUBLICADO POR:

Mariana de Moraes Escardin – CRN/SP 23618

Clínica Nutri Ser
Rua Silva Jardim 3, sala 3 – Centro – São Bernardo do Campo
São Paulo

Telefones: (11) 8233-6164 / 2355-8557

sexta-feira, 30 de março de 2012

MALTODEXTRINA

É um carboidrato complexo de absorção gradativa proveniente do amido de milho. Fornece energia pré, durante e pós a atividade física, além de retardar a fadiga, pela liberação gradativa de seu carboidrato (glicose) na corrente sanguínea, evitando também o catabolismo muscular (perda de músculos), auxiliando no ganho de rendimento e de performance.
Os carboidratos são as principais fontes de energia do nosso organismo,em uma dieta saudável, o carboidrato deve estar presente em torno de 60%, para que assim as proteínas não tenham que desviar-se de suas funções específicas, como a construção dos tecidos musculares, para serem utilizadas como fonte energética, ou seja, transformadas em glicose pelo nosso organismo, fazendo assim o trabalho do carboidrato.
O que nos faz entender o crescente consumo e indicação da maltodextrina para praticantes de atividades físicas de resistência como a musculação, corrida, bicicleta, futebol, vôlei, natação, artes marciais, entre outros. Além de fornecer energia durante a atividade física e retardar a fadiga, através da gradual liberação de glicose para o sangue, ela auxilia no estimulo da síntese protéica, pós atividade física, quando conciliada com suplementação de uma fonte protéica como o Whey Protein (proteína do soro do leite), Caseína, Albumina ou com a ingestão direta de aminoácidos como os BCAAs (valina, leucina, e isoleucina).


Sugestão de uso:
Tomar de 1 a 2 vezes por dia até 3 colheres de sopa de maltodextrina com 300 a 400 ml de água antes, durante e/ou depois da realização de atividades físicas que necessitem de grande quantidade de energia e esforço muscular.


Melhor desempenho:
Para ter melhor resultado, você deve ter uma rotina alimentar saudável, se preocupando sempre com a qualidade em todas as refeições ao longo do dia, para ter uma dieta personalizada e individualizada, procure sempre um nutricionista.

sábado, 3 de março de 2012

Reganho de peso após cirurgia bariátrica


AS CIRURGIAS BARIÁTRICAS OFERECEM UMA PERDA DE PESO MÉDIA DE 50 % DO PESO INICIAL DO PACIENTE, ESSA PERDA DE PESO ACONTECE NORMALMENTE ATÉ O SEGUNDO ANO QUE A CIRURGIA FOI RELIZADA.

A PERDA DE PESO NESSE CASO É PELO DESVIO INTESTINAL E PELA REDUÇÃO DO TAMANHO DO ESTOMAGO - FAZENDO COM QUE O PACIENTE COMA MENOS, ALEM DISSO, NAO ABSORVA TUDO O QUE COME, POR ISSO É NECESSARIO A ALIMENTACAO IDEAL E A SUPLEMENTACAO,  OU SEJA, COMER NUTRIENTES ESSENCIAIS PARA EVITAR DESNUTRICAO( ANEMIA, OSTEOPOROSE, IMUNIDADE BAIXA, RAQUITISMO ENTRE OUTRAS..)

O MAIOR CUIDADO ENTAO, SERIA O PACIENTE NAO SE ATENTAR AO QUE COME E MANTER OS RETORNOS COM SUA EQUIPE QUANDO DETERMINADOS.

SABEMOS QUE A PARTE SOCIAL DE UMA PESSOA OBESA NAO É LÁ ESSAS COISAS..... ( NAO É UMA MARAVILHA POR CONTA DO EXCESSO DE PESO) E QUANDO O PESO É PERDIDO, ISSO SE TORNA UMA FESTA TOTAL ( COM MELHORA NO ANIMO, MELHORA AUTO ESTIMA, MOMENTOS AMOROSOS SAO MAIS AGUÇADOS...) NESSE PERIODO O PACIENTE COMEÇA A VIVER EM UMA REALIDADE QUE NAO CONHECIA E INICIA UMA MUDANÇA ALIMENTAR. ESSA MUDANCA MUITAS VEZES CALÓRICA LEVA O INDIVIDUO ( MESMO SE ALIMENTANDO POUCO) A REGANHAR PESO.

COMO O PACIENTE PERDEU PESO POR CONTA DA CIRUGIA E NAO PELA MUDANCA DE HABITO ( EXERCICIO E ALIMENTACAO) ELE ACABA BATENDO DE FRENTE COM O EXCESSO DE CALORIAS, OU SEJA, ELE VOLTA A TER UM HÁBITO ALIMENTAR HIPERCALORICO.

PARA CONCLUIR ESSA DISCUSSÃO PEÇO PARA QUE VOCE QUE ESTA REGANHANDO PESO, PONTUE O QUE FAZIA ANTES DA CIRURGIA:

COMIA QUANTAS VEZES AO DIA?
FAZIA QUANTAS HORAS DE ATIVIDADE FISICA POR SEMANA?
COMIA EM QUANTO TEMPO?
QUANTAS FRUTAS COMIA POR DIA?
QUANTAS VEZES COMIA VERDURAS E LEGUMES POR DIA?
QUANTAS HORAS ASSISTIA DE TELEVISÃO POR DIA?


E HOJE ? O QUE VOCE FAZ ? O QUE VOCE MUDOU NO SEU DIA A DIA?

ESSAS MUDANÇAS SÓ SERAO EVIDENTES, SE VOCE REALMENTE VOLTAR COM FREQÜÊNCIA NO CONSULTÓRIO DO NUTRICIONISTA E DO PSCICOLOGO. ISSO SIM É REEDUCAÇÃO DE HABITOS .