segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

QUIBE DE ABÓBORA.




INGREDIENTES: 

2 XÍCARAS DE CHÁ DE TRIGO PRA QUIBE
3 XÍCARAS DE CHÁ ÁGUA
5 XÍCARAS DE CHÁ ABÓBORA CRUA
1 ½ XÍCARAS DE CEBOLA PICADA
2 COLHERES DE SOPA DE AZEITE
1 COLHER DE SOPA DE SAL
3 COLHERES DE SOPA DE HORTELA
1 LIMAO

1 COLHER DE SOPA DE MARGARINA LIGHT

MODO DE PREPARO:

Deixe o trigo de molho em água quente por 30 minutos. 
Escorra bem e reserve. 
Cozinhe a abóbora até ficar macia, esprema e reserve. 
Refogue a cebola no azeite, acrescente a abóbora, sal e reserve. 
Pique as folhas de hortelã. 
Reserve num recipiente, misture o trigo hidratado, a abóbora reservada, a hortelã e o limão. Mexa bem. 
Coloque em uma fôrma untada com margarina e leve para assar em forno médio por aproximadamente 30 minutos.

Rendimento: 1212g (20 pedaços)
Cada pedaço: 60g
Valor nutricional de uma porção (60g):

Nutriente
Quantidade
Energia
72,77Kcal
Proteínas
2,4g
Lipídeos
0,8g
Carboidratos
15,23g
Vitamina A
39,08RE
Fibras
1,77g
Ferro
0,73mg

quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

DIETA APÓS CIRURGIA DA OBESIDADE.


SOPA DE LEGUMES COM CARNE BOVINA.

Ingredientes:

- 2 cenouras cortadas
- 100 gr de vagem
- 2 mandioquinha
- 2 batatas
- 300 gr de musculo bovino em pedaços
- 2 dentes de alho
- 1 cebola média
- Salsinha, cebolinha e sal a gosto

Modo de preparo: Em uma panela de pressão refogue o alho e a cebola. Corte
tudo em pedaços pequenos e leve ao fogo. Após 20 minutos liquidificar e coar, se necessário adicione um pouco de água para chegar na consistência ideal.

Rendimento: 6 porções de 200 ml

Porção = 200 ml
Valor energético = 221,6
Proteínas = 14,7
Carboidratos =  20,3
Lipídeos =  17,9
Fibras = 1,9

Atenção : 
Os  pacientes deves seguir as orientações da sua equipe. 


www.ultranutri.com.br

segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

O QUE VOCÊ PRECISA SABER ANTES DE COLOCAR O BALÃO INTRAGASTRICO.


O que é o balão intragástrico – Balão intragastrico ? 

O BIB é um balão intragástrico feito de silicone, colocado e retirado por endoscopia, preenchido com soro e azul de metileno, na proporção de 400 a 700ml, dependendo do tamanho do estômago.

Quem pode usar o balão intragástrico para emagrecer? 

Somente o médico pode indicar o balão intragástrico, ou seja, somente após avaliação médica. Ele serve como auxiliar para perda de peso para pessoas com sobrepeso e obesidade grau 1 (IMC entre 27 e 34,9). Outra indicação é para o superobeso que precisa emagrecer para alcançar condições clínicas mínimas para se submeter à cirurgia.

Qual o procedimento de colocação e retirada do balão intragástrico? 

Tanto a colocação quanto a retirada são feitas por meio de endoscopia com sedação e em ambiente ambulatorial ou hospitalar. O procedimento é o mesmo realizado para a detecção de problemas no estômago, como úlcera, gastrite etc.

Posso sentir o balão intragástrico no estômago? 

A sensação varia de paciente para paciente. Durante o tratamento pode sim ocorrer de se sentir o balão intragástrico no estômago, mas depois de um curto período de tempo se acostumará com a sensação. Lembrando que após a colocação do balão intragástrico a pessoa pode prosseguir normalmente com as atividades do dia-a-dia, inclusive exercícios físicos.

Como o balão intragástrico ajuda a pessoa a emagrecer? 

Após a colocação ele passa a ocupar um espaço no estômago, provocando uma sensação de saciedade precoce. Assim a pessoa come bem menos se sente satisfeita mais rapidamente com a quantidade de comida ingerida.

Com o que se enche o balão intragástrico? 

O balão intragástrico é preenchido de 400 a 700ml com uma solução de soro fisiológico e azul de metileno estéreis (este que serve como marcador para que qualquer possível vazamento possa ser detectado facilmente).



É possível o balão intragástrico se romper dentro do estômago? 

Nunca foi registrado nenhum caso em que o balão intragástrico tenha se rompido dentro do estômago de um paciente, porém existe uma pequena possibilidade de ocorrer, como num acidente, socos ou agressões na região do estômago.

Existe a possibilidade de acontecer algum tipo de vazamento do conteúdo do balão intragástrico? 

Embora seja extremamente rara, existe a possibilidade, mas qualquer vazamento é facilmente detectado pela presença do azul de metileno na urina do paciente. É bom destacar que o soro fisiológico e o azul de metileno que servem como preenchimento do balão intragástrico, não causam danos à saúde.

Caso haja o vazamento o que deve ser feito? 

Nesse caso, deve-se procurar o médico que realizou o procedimento para que seja feita a retirada do balão intragástrico em até 24 horas.

Quais são os efeitos colaterais do balão intragástrico? 

Nas primeiras 72 horas após a colocação do BIB – balão intragástrico é comum que se sinta enjôo e desconforto abdominal. Isso acontece porque o organismo precisa se adaptar à presença do balão intragástrico. Após esse período de adaptação, o usuário não deve sentir desconforto e pode prosseguir normalmente com as atividades do dia-a-dia, inclusive exercícios físicos, indicados pelo médico. Existem casos em que se faz necessária a internação do paciente para controle dos efeitos colaterais, para hidratação intravenosa.

Quem coloca um balão intragástrico precisa tomar algum tipo de remédio? 

Sim, durante toda a permanência do balão intragástrico, é preciso controlar a acidez do estômago com o uso constante de medicação específica indicada sempre pelo médico que acompanha o tratamento.

Quanto tempo uma pessoa pode ficar com o balão intragástrico dentro do estômago? 

O prazo máximo de permanência do balão intragástrico dentro do estômago é de seis meses.

Após o tratamento de seis meses, caso o paciente queira colocar outro balão intragástrico, é possível? 

Sim, caso o paciente queira colocar outro balão intragástrico após o término do tratamento, é necessário um período de resguardo - definido pelo médico – para colocar outro.

Como se comparam os resultados de perda de peso com o balão intragástrico e os de programas de dieta? 

 Os resultados não se comparam, pois são tratamentos diferentes. Lembrando que os resultados dependem da aderência do paciente ao tratamento escolhido.

Depois da retirada do balão intragástrico, a pessoa volta a engordar? 

A manutenção do peso, independente do método que se escolha para o emagrecimento, depende de disciplina. O ideal é que, durante os meses de tratamento com o BIB - balão intragástrico, a pessoa siga orientações de profissionais (Endocrinologistas, Nutrólogos, Nutricionistas) para uma reeducação alimentar e, adquira hábitos mais saudáveis de alimentação, bem como atividades físicas, pois é isso que vai garantir a manutenção do peso depois da retirada do balão intragástrico.


É preciso fazer acompanhamento médico durante o tratamento? Com quem? Quantas vezes? Por quê? 

Enquanto a pessoa estiver com o balão intragástrico, ela precisa sim de um acompanhamento multidisciplinar que faz parte do tratamento. Isso inclui acompanhamento profissional na área: nutricional, endocrinológico, psicológica e de atividade física. A equipe médica é quem determinará a frequência desse acompanhamento, pois o apoio da equipe, aliado a aderência do paciente é de extrema importância para o melhor resultado do tratamento.




domingo, 22 de janeiro de 2012

ULTRANUTRI ÚNICA CLÍNICA ESPECIALIZADA EM ACOMPANHAMENTO NUTRICIONAL APÓS COLOCAÇÃO DE BALÃO INTRAGASTRICO E CIRURGIA BARIÁTRICA.

PROGRAMAS DE ACOMPANHAMENTO NUTRICIONAL ULTRANUTRI. 

Visando o maior rendimento para a população geral, a ULTRANUTRI, desenvolveu esse programa para ajudar a sua equipe a se sentir melhor.. Sabe-se que as pessoas que se alimentam de forma mais saudável, conseguem manter a sua saúde equilibrada, favorecendo a manutenção do peso ideal e assim melhorando seu rendimento.

A ULTRANUTRI oferece um programa de reorganização alimentar para seu funcionário, assim ele se torna mais capaz de realizar sua rotina de forma mais agradável.

O programa:
-       Avaliação da ingestão alimentar individual;
-       Avaliação da circunferência abdominal;
-       Avaliação da porcentagem de gordura corporal;
-       Avaliação do IMC ( índice de massa corpórea).

Com esses dados o avaliador especialista consegue orientar individualmente o que seu funcionário deve ingerir durante sua rotina de trabalho, favorecendo uma qualidade de vida mais agradável.



terça-feira, 17 de janeiro de 2012

Cientistas desenvolvem 'detector de mentiras' para dietas.



Exame de urina pode detectar qual alimento um paciente consumiu em dias anteriores, e em que quantidade.



Cientistas britânicos desenvolveram um exame de urina que pode detectar se uma pessoa está cumprindo uma dieta rigorosamente ou se está "mentindo" sobre ela.Pesquisadores das universidades de Newcastle e Aberystwyth criaram um teste que pode determinar qual alimento e quais as quantidades de alimento foram consumidas pelo paciente nos dias anteriores.

O exame mede as "impressões digitais" químicas, conhecidas como metabólitos, que aparecem na urina de uma pessoa que comeu carne vermelha, branca ou processada.
Os cientistas agora querem aumentar a lista de metabólitos que poderão ser identificadas pelo exame.

Por meio do exame, os metabólitos já foram identificados para alimentos considerados saudáveis, como framboesas, salmão, brócolis e suco de laranja.
"Ao buscar na urina as 'impressões digitais' químicas de alimentos diferentes, a pesquisa dos cientistas demonstrou que podem determinar se os indivíduos têm uma dieta saudável ou não", disse um porta-voz da Universidade de Aberystwyth.
"O que comemos tem um grande impacto em nossa saúde, mas é muito difícil saber exatamente o que e quanto as pessoas comem no cotidiano, e as pessoas acham difícil registrar isto com honestidade", afirmou o porta-voz.

Doenças crônicas
"Este tipo de exame tem grande potencial como uma arma contra muitas doenças crônicas", afirmou o professor John Draper, que lidera a equipe de pesquisadores no Instituto de Ciências Biológicas, Ambientais e Rurais de Aberystwyth.
"Ele vai ajudar os médicos, enfermeiras e nutricionistas a descobrir o que seus pacientes andaram comendo".

O instituto está tentando desenvolver um exame mais simples para identificar metabólitos.

No futuro, os pesquisadores esperam criar um sensor que poderá ser utilizado com pequenas quantidades de amostra de urina para descobrir quais os principais alimentos que a pessoa consumiu.

"No longo prazo, este tipo de exame vai ajudar a descobrir novas ligações entre padrões de alimentação e saúde", disse o professor John Mathers, que lidera os cientistas no Centro de Pesquisa em Nutrição Humana da Universidade de Newcastle.
Para Mathers, quando os cientistas conseguirem mais conhecimento sobre os metabólitos, eles poderão "acrescentar estes ao nosso exame e, com isso, os pesquisadores poderão afirmar com certeza quais alimentos ajudam a proteger contra doenças específicas e quais devemos estimular (o consumo) para promover a saúde" do paciente.

segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

Indicação do Balão intragastrico.


ORBERA É APROVADO PARA BRASILEIROS COM IMC ACIMA DE 27


Em outubro, a Allergan lança no mercado brasileiro o Orbera™ - a nova marca mundial do balão intragástrico BIB™. Aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), o Orbera™ é o único balão intragástrico no mercado brasileiro indicado para pacientes com índice de massa corpórea (IMC) a partir de 27 kg/m2, e chega em um momento importante, uma vez que a obesidade é considerada uma epidemia mundial pela Organização Mundial de Saúde.
Mais do que comprometer de forma importante a autoestima, o excesso de peso é apontado pela Organização Mundial de Saúde (OMS) como um dos fatores para o desenvolvimento de distúrbios cardiovasculares, pressão alta, colesterol elevado, diabetes, alguns tipos de câncer (mama, endométrio e cólon), entre outros. Ao contrário do que as pessoas pensam, segundo a OMS, o risco de problemas de saúde começa quando se está ligeiramente acima do peso, e aumenta na medida que o IMC se torna maior.
O Orbera™ visa atender a população com sobrepeso, que não responde ao tratamento medicamentoso e de dietas restritivas, que não quer se submeter a um procedimento cirúrgico e seus riscos, ou não atinge a faixa de peso indicada para a cirurgia bariátrica, por exemplo. Dados mostram que, em 40,8% dos pacientes com IMC menor que 35, houve uma melhora nas comorbidades clínicas.1 
O Sistema Orbera™, como é chamado o programa de emagrecimento com o dispositivo de silicone da Allergan, possibilita ao paciente perder peso de forma gradual, seguindo quatro passos: a implantação do Orbera™, uma alimentação balanceada, a prática de atividade física regular e o acompanhamento psicológico. Esse acompanhamento multidisciplinar é imprescindível e o sucesso do tratamento depende da adesão do paciente à mudança de hábitos de vida.
O Sistema Orbera™ é um eficiente aliado no tratamento e também na prevenção da obesidade, além de ser um facilitador para que o paciente mude seu estilo de vida.

 www.sistemaorbera.com.br

quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

O QUE É SACIEDADE ?


Quando sentimos fome física (esta acontece geralmente de 4 a 5 horas após a última refeição) precisamos nos alimentar.

Ao alimentar-se, o estômago ( reservatório alimentar) dilata-se e envia uma mensagem ( sinal hormonal) ao hipotálamo ( O hipotálamo é um centro de processamento de informações que recebe os vários tipos de sinalizações como a concentração de nutrientes (entre eles, os níveis de glicose no sangue) ou o grau de distensão do estômago. Os níveis de hormônios como a colecistocinina (produzida pelo intestino) e a leptina (produzida pelo tecido adiposo) também são analisados. Com essas informações o hipotálamo produz comandos para a procura e ingestão de alimento e, ainda, prepara o trato gastrointestinal para receber e processar o alimento) avisando-o que já está saciado, que não precisa comer mais. Com isso a pessoa está satisfeita e pára de comer.


Na pessoa com tendências a comer mais, seja pela razão que for, ansiedade, festas "boca-livre", rodízio, muito líquido durante a alimentação, enfim qualquer estímulo que possibilite comer mais que o necessário, o estômago se dilata mais que o costume e demora para enviar a mensagem, ficando difícil obter a saciedade.

Se esse processo se repetir muitas vezes, o estômago vai se dilatando cada vez mais e sempre ficará esperando a distensão estomacal para enviar a mensagem de saciedade, ou seja, você vai comer  maior quantidade de alimentos a cada dia, e nunca vai se sentir satisfeito.


terça-feira, 10 de janeiro de 2012

O QUE É FOME?




O que é  fome ?

Fome é a sensação fisiológica que nos faz procurar e ingerir alimento para satisfazer as necessidades de nutrientes. Ingerir alimentos é causado por uma série  de  sinais orgânicos, um exemplo é a diminuição da quantidade de nutrientes como glicose, aminoácidos, gordura ou mesmo a diminuição da temperatura corpórea.

Se uma pessoa come para obter nutrientes (e energia) para o organismo, então sua falta deve levá-la a procurar o que comer.

Mas, será que é necessário diminuir totalmente o estoque de nutrientes do organismo para que você sinta fome?

Não. Na verdade, o corpo é capaz de detectar diminuições mínimas na concentração de nutrientes e, em conseqüência, gerar sinais que vão desencadear a ingestão de alimentos.

Mas, só comemos quando temos fome?

Não, a ingestão de alimentos também pode ser estimulada pela hora do dia, pela visão e pelo cheiro dos alimentos, além de reuniões sociais ( hábitos ou estilo de vida). Todos nós temos experiência com fatores emocionais, facilitação social e condicionamento (uma forma de aprendizagem) que afetam a ingestão de alimentos.
Quando se come sem ter fome (essa energia não é gasta e sim acumulada), os nutrientes ingeridos além da necessidade serão estocados em forma de gordura, ou seja, levando você a ganhar peso.